Antonio Sáez Delgado
premiado por tradução


Barcelona, Espanha, 15 Mai (Lusa)
O tradutor espanhol Antonio Sáez Delgado foi hoje agraciado com o 8.º Prémio de Tradução Giovanni Pontiero pela sua tradução para castelhano da obra A Ruiva, de Fialho de Almeida, publicada sob o título La Pelirroja em 2006.
O prémio é atribuído anualmente pelo Centro de Língua Portuguesa/Instituto Camões de Barcelona e pela Faculdade de Tradução e Interpretação da Universidade Autónoma de Barcelona (UAB).
Antonio Sáez Delgado (Cáceres, 1970) é doutorado em Filologia Hispânica e, desde 1995, professor de Literatura Espanhola e de Literaturas Ibéricas na Universidade de Évora.
Na cerimónia de apresentação do prémio participaram, entre outros, o reitor da UAB, Lluís Ferrer, o conselheiro cultural da Embaixada de Portugal em Madrid, João de Melo, o decano da Faculdade de Tradução e Interpretação da UAB, Francesc Parcerisas, e a responsável do Centro de Língua Portuguesa, Helena Tanqueiro.
A personalidade convidada foi a fadista catalã Névoa, que falou sobre o seu papel de mediadora cultural através da música e fechou a cerimónia com um recital de fado.
O Prémio de Tradução Giovanni Pontiero destina-se a traduções de obras literárias, de qualquer género, escritas originariamente em língua portuguesa e publicadas em castelhano ou catalão (nos anos pares em castelhano e nos anos ímpares em catalão).
O prémio foi instituído em 2001 para honrar a figura do grande tradutor Giovanni Pontiero.

2 comentários:

Á.V. disse...

Es una gran noticia, sin duda.

RUY VENTURA disse...

Penso que o Antonio já merecia um prémio destes pela sua actividade como tradutor. É justíssimo!