PACIÊNCIA...

Quando penso naquilo que nos rodeia enquanto portugueses (uma justiça inoperante, uma economia coxa, políticos incompetentes, corruptos ou apenas influenciáveis, um ensino que vai resistindo como pode às investidas de gente que nunca deu aulas...), tenho a certeza de que apenas um santo nos pode valer (dando-nos Esperança e vontade de lutar): o Senhor da Paciência...

(na imagem: "Senhor da Paciência", escultura em barro dos séculos XVII/XVIII, pertencente ao Museu Municipal de Portalegre)

5 comentários:

Amigo Cast.Vide disse...

Uma boa notícia para todos os bloguistas, gente com paciência por obra e graça do Senhor da mesma: parece que o "profeta da desgraça", o "guerrilheiro por correspondencia" e "revolucionário profissional" encerrou de vez o estanco onde oficiava. Andava a falar com as formigas, ninguém lhe ligava meia e, como é inteligente, foi-se embora em vez de andar a chatear a malta.
Fosga-se...

Anónimo disse...

Já eu, Rui, penso que temos tido demasiada paciência... (Paula)

Pachola disse...

Boa piada! Mas falando bem e depressa, o que é preciso é desmascarar os incompetentes. E os outros palhaços que saíram ainda eram piores do que estes, que ao menos abrem as escolas a tempo e colocam os candidatos ao superior.
Nada está perdido, colegas.

Ruy Ventura disse...

Atenção: quando me referi ao Senhor da Paciência tive em mente que este Senhor achava que a Paciência não é sinónimo de cegueira. Lembremo-nos de que correu à paulada os vendilhões do Templo de Jerusalém. Devemos fazer o mesmo aos vendilhões da nossa terra portuguesa/alentejana.

Pachola disse...

Subscrevo último comentário e mais não digo...