Antologia “Fanal”

ALBANO MARTINS


Ilhas Cies, no Mar de Vigo

Se fosses gaivota,
seria aqui que farias
o teu ninho. Foi
aqui, certamente,
na vulva destas águas, fecundadas
por Zeus, que nasceu
Afrodite. E foi
aqui, por certo, no meio
destas sarças que Leda
também por Zeus
foi fecundada. E era
aqui que tu
nascerias de novo. Ou foi
aqui que nasceste
pela primeira vez. Por que motivo
ninguém sabe. Mas sabe-lo
tu e sabe-o, melhor do
que tu, seguramente,
Afrodite.

(nº 3, 14/7/2000)

3 comentários:

Anónimo disse...

Aventura en las Islas Cies, film de 1965

martin codax disse...

Ondas do mar de Vigo

Teresa Lopes disse...

Lindo, este poema de amor... E tão simples, afinal. Não é mesmo na simplicidade das palavras que se revelam as grandes escritas?